Sejam bem-vindos de volta. Não. Não sejam bem-vindos. Leiam este texto em silêncio, como se estivessem guardando um morto. Os tópicos deste texto não trazem boas novas, felicidades e muito menos dinheiro. Só trazem ódio ao coração e nos fazem pensar como conseguimos suportar a internet. Não vou reclamar de inclusão digital porque o buraco aqui é mais embaixo, quase no útero. Eu e minha amiga Gi Cabral (que, por sinal, deve ter um útero maior que o meu) voltamos para listar cinco comportamentos internéticos que dão no saco (ou no útero) de cada um. Se bem que apenas cinco é muito pouco. Poderíamos fazer 50 listas de 5 e nosso estoque de ódio não teria acabado. Mas, como somos pessoas boas, pouparemos vocês.


5 – Me segue que eu sigo de volta

Qual o problema das pessoas em querer ser seguido de volta? Será que tantas pessoas necessitam de alguém para mandar reply? Não sei, mas algum fundamento comercial deve ter o sujeito que manda mensagens desse tipo. E o que é pior: funciona. Esses desgraçados possuem muitos seguidores (que devem ser pessoas que fazem o mesmo tipo de coisa). Vem cá, porque diabos seguiríamos estas pessoas se elas não falam nada de interessante e ficam apenas pedindo para serem seguidas. Aliás, esses perfis devem ser apenas bots. O fato é que eles floodam.



Me segue de volta que eu te mando pra PQP!



4- Milhares de emails

Continuando no ramo da floodagem sem fim, entra aqui algo mais sério, mais antigo, mas não menos perturbador. Dá uma raiva tremenda quando você recebe milhares (ok, dezenas) de emails de uma mesma pessoa quando tudo poderia ser resolvido em apenas uma mensagem? E olha que nem estou falando de correntes ou .ppt (isso foi transferido para o Facebook), mas de mensagens importantes mesmo, com várias coisas em anexo. E para vocês, desprezíveis mortais que usam Hotmail, a porra escorre pelas pernas e suja a roupa inteira.

3- PeSSoaS QUe esCRvEm DesSa forMA

Me diz, qual o problema tátil e de coordenação motora que esses jovens possuem? O tipo de gente que escreve dessa forma me deixa mais irritado do que aqueles que escrevem errado ou então “naum”. Escrever da forma como está no nome deste tópico é muito mais trabalhoso do que, sei lá, escrever tudo em minúsculo. Fico pensando que a tecla Caps Lock destes putos deve estar com um sério problema de mal contato, não é possível. Só de escrever dessa forma eu levei quase 30 segundos. Imagina uma pequena ideia de 4 linhas então? Olha, quem escreve assim me deixa tão puto que às vezes dá vontade de…



E eu ainda falo com uns caras que escrevem assim.
Devo ser tão idiota quanto ele



2- Old but… trash!

Você está lá na internê (como diria minha amiga Gi) e surge uma imagem compartilhada de uma notícia/meme idiota/qualquer merda. Você sabe que aquilo é notícia antiga, afinal qualquer droga na internet começa no Reddit ou no 4chan e depois passam pros sites de memes e depois pras páginas de memes do Facebook e depois repassadas de kibadores em kibadores. É um longo caminho e você, pessoa esperta, já viu aquilo na fonte. Mas sempre tem um desgraçado pra falar “óia o q eu axei”. Esses compartilhadores são meros receptores de informação (inútil) que acham que, ao repassar as drogas que recebem (LIKE A TRAFICANTE DE ESQUINA), farão algum bem à humanidade. Nesse mesmo ramo entra as pessoas que curtem tudo o que aparece na frente só para ficar 2 horas longe do FEICE e depois terem 832 notificações de atualização. Bando de filhos da puta sem costume!

1- Tag, tag, tag

Após dar aquela dixavada no final de semana e ter bebido tequila um pouco além da conta, a última coisa que você quer é que alguém o marque em alguma foto com olheiras. Porém, essa é a primeira coisa que acontece. Ou então, mesmo o Facebook possuindo a função de te avisar quando seu miguxo faz aniversário, o idiota vem com “Solicitação para Meu Calendário”. Ou então marca você em flyers de balada que você não vai (porque não sai da internet e é um fracassado social). E as marcações em publicações de Risos no Face e qualquer outra página que tenha “Face” no nome. Esses são os attention whores que ficam apenas querendo puxar papo. É a versão moderna do “tá quente né?”. Pense: essas pessoas são piores que você. Ou não.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s