Na terça-feira, logo depois de assistir a conferência da Nintendo, tive a sensação de que tinha acabado de ver uma grande merda. A E3, até aquele momento, só tinha sido empolgante com The Last of Us e Watch Dogs. Fiquei puto como as coisas estavam sendo apresentadas, tudo de forma a valorizar o entretenimento pelo entretenimento e não por uma causa maior: aprendermos alguma coisa com os games. Aliás, aprender alguma coisa com games é ser hardcore. Preciso adicionar lá na minha lista.


My body WAS ready



Eu sempre fui nintendista e sempre torço pra Nintendo se dar bem. Não torço para que as outras empresas se explodam, o que, na minha opinião fecal, não me torna um fanboy. Apenas gosto de uma empresa, o que não deixa de ser idiota. No entanto, não tenho meus olhos vendados.

Depois da apresentação, fiz um post apaixonado falando como eu estava puto com a indústria gamística em geral e, em especial, com a Nintendo. No outro dia, com a cabeça fria, decidi passar meus olhos por todos os trailers de jogos anunciados que poderiam me atrair. Foi nesse momento que mudei de ideia. Veja, minha ideia não mudou completamente. Ainda acho que  WiiU vai se ferrar muito antes de se dar bem, mas não vejo sua descontinuação. Claro que tudo que vou falar a seguir depende da data de lançamento (pouco antes do Natal? Final de novembro?) e, principalmente, do preço do console (mais de US$ 299 começa a complicar).

Mas vamos aos jogos. De cara, esse é o primeiro lançamento de um console Nintendo sem que o principal jogo seja da empresa de Kyoto. Tá, Pikmin 3 vai ser bom como os anteriores mas não tem uma pegada tão forte. New (?) Super Mario Bros. U vai ser bom como todos os jogos do encanador são, mas não é o principal atrativo do lançamento. Depois, nem dá pra sabermos se o Wii U vai sair com a porrada de jogos que foram prometidos. O lançamento ocorrerá com uns 4 ou 5 jogos. Nesse meio, com certeza Pikmin 3 será a grande estrela, mas…


A velha guerra entre plantas e animais…ahm?



A grande empresa que vem dando suporte pra Nintendo nesse início de console é a Ubisoft. Tanto que os jogos mais esperados são os dela. Rayman Legends promete definir como um jogo de plataforma tem de ser feito. ZombiU, apesar dos gráficos não tão fodas assim (mas jogo de terror, que é o que parece, não precisa de gráficos), promete ser a melhor experiência de utilização do U Pad que teremos neste começo de console. O jogo do Rayman também trará muita utilização do tablet. Assassin’s Creed 3 é blockbuster mas acredito que não será lançado junto com o WiiU. O jogo chega no final do ano para PS3 e 360, mas acho que a Ubisoft vai esperar o videogame ter mais mercado, mais gente para poder comprar. Deve sair para o meio do ano que vem.

Dá pra não ficar empolgado?



Um fato que me assusta um pouco é a Nintendo não ser a empresa que vai trazer os jogos com melhores utilizações do U Pad. Achei a ideia de criar obstáculos e novas plataformas no Mario muito boba. Eu não utilizaria, porém, se tivesse um filho ou alguma criança para jogar, sei lá. Em Pikmin 3 a utilização do pad me pareceu muito simples e nada inventiva: somente o que esperamos. O grande jogo da Nintendo que traz as ideias que serão usadas no futuro é Nintendo Land.

Nintendo Land merece um parágrafo à parte. A coleção de minijogos com os Miis baseados em mundos de games da Nintendo (como Luigi’s Mansion e Zelda) traz o que de melhor se pensou (até agora) para o U Pad. Já vou dizer desde já: vai vender MUITO. Ele é tipo um sucessor espiritual de Wii Sports Resort nos quesitos casual game e exibição de capacidade do controle. Quando a apresentação focou 20 minutos nesses minigames, logo pensei: cadê os blockbusters da Nintendo. Fiquei irritado e fiz uma tirinha sem-graça. Depois, conclui que a Nintendo quer exatamente isso (inclusive já tinham dito antes): o foco são os casuais. São eles que impulsionaram as vendas do Wii. Abandonar um público desses seria idiotice. E, com certeza, o game estará nas lojas no dia do lançamento e, provavelmente, bundles com WiiU+Nintendo Land serão vendidos à vera (é assim que se escreve?). Se pá é capaz do jogo vender mais que Mario.


Como assim esses caras não sabem inglês?



E pensemos nos outros bons (ou nem tão bons assim) jogos que estão chegando. Scribblenauts Unlimited vai ser muito bom (é Scribblenauts pô), Just Dance vende muito, LEGO City pode ser muito bom ou muito ruim (mas quando eu comprar o console com certeza ele virá junto porque gostei da ideia), Batman: AC Armored Edition promete trazer nova jogabilidade (mas pode ser apenas um port), Mass Effect 3 (o pior da série mas que seria legal se viesse com os dois games anteriores), Ninja Gaiden 3 (pfff…), Aliens Colonial Marines (pfffffff….), Darksiders II (promete), TEKKEN Tag Tournament 2 (como assim cogumelos do Mario? WTF?), TANK! 3x (típico jogo japonês que não pega no Ocidente; isso se chegar aqui), Project P-100 (que espero que mude de nome e chegue por aqui, apesar de parecer genérico), Trine 2: Director’s Cut (obra de arte), Game & Wario (é como se fosse um Nintendo Land no mundo bizarro do Superman), Wii Fit U (não me atrai, mas vende) e SiNG (que eu tenho certeza que será uma merda).

A jogabilidade ainda parece um pouco travada, mas, 
eu não sei o motivo: gostei (devo ser idiota)



E como deixar de falar do Miiverse? Essa será a rede social dos gamers de Nintendo e possibilitará jogatina online (ouço isso há mais de 10 anos; não por parte da Nintendo, claro) e possibilidade de compartilhamento, chat por vídeo entre outras atividades sociais. Mas o que o povo quer é um ambiente online que não dê problemas e não atrapalhe a jogatina.


Posso estar viajando um pouco, mas o público que a Nintendo quer é aquela família que está com filhos pequenos que estão começando a jogar videogame. Os pais já acompanharam a evolução do SNES, N64, Wii (GameCube não conta, não existiu) e agora tem a missão de mostrar esse hobby aos filhos. Meu sobrinho tá chegando e espero que ele se torne um gamer quando eu mostrar Nintendo Land pra ele. Quem diria que isso aconteceria um dia?

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s