Pra quem é gamer, a maior feira do mundo é a E3. Todos gostariam de ir lá pra Los Angeles fazer parte das 100 mil pessoas que passam por lá no dia do evento. Acho que até mais que isso passará por lá. Uma pena que a maior parte das coisas legais (se não for tudo) fica disponível apenas para jornalistas credenciados. Para eu e você que ficaremos aqui, uma dica é acompanhar a livestream que a GameTrailers fará.

São eles que botam as mãos nos games que serão lançados só no ano que vem, que checam como uma nova tecnologia será utilizada nos games, que vislumbram as ideias doidas de alguns visionários, que prestigiam as apresentações de Sony, Nintendo e Microsoft e que, malditos sortudos, testam os videogames que só estarão nas nossas mãos depois de muito tempo e expectativa. Um dia vou ser jornalista de games. Enquanto isso não acontece, acompanho a cobertura que o Nintendo Blast e o PlayStation Blast (blogs em que colaboro) farão nos dias da feira.

Mas o que mais vai ter de interessante por lá? Falando em games, a Rockstar já nos avisou que não mostrará nada de seus futuros jogos. Como todo ano, a EA virá com aquele monte de jogos que você falará “legal” mas que esquecerá dentro de dois dia. A Capcom trará aqueles jogos que… não vou falar dessa empresa, pois ela não merece.

De fato, os jogos mais aguardados da feira são Lollipop Chainsaw, o novo Tomb Raider, Assassin’s Creed 3, Halo 4, God of War: Ascension, The Last of Us (que é basicamente Uncharted + monstros) e, com certeza, The Last Guardian. Esse jogo, feito pela mesma equipe de Ico e Shadow of the Colossus, colocará todo o poder de processamento do PS3 pra trabalhar (ou não). Ele é aguardado por todos, mas em especial por aqueles que consideram videogame mais do que uma forma de entretenimento.


Um menino, um monstro, uma qualidade gráfica impecável e apenas
uma certeza: um deles morre no final (tô chutando)



Falando agora videogames, manda tudo pra casa do caralho os rumores sobre o possível Xbox 720 e o PS4. Forniquem-se. A grande estrela da feira estará no estande da Nintendo e chama-se Wii U. O videogame, sucessor do popular e criticado Wii, é, finalmente, a investida da Nintendo no mundo HD. A empresa, aparentemente, está abandonando o estilo casual “paz e amor” trazendo para o novo console mais jogos com temas violentos e adultos. Eles querem recuperar o público hardcore.


Esse novo controle ficou muito bom.
Tomara que não caia refrigerante em cima da tela.



A principal renovação trata-se do controle-tablet, que (dãããr!) traz um tela no meio. Pelo jeito a Nintendo gosta de duas telas. Muitos jogos de third-parties foram prometidos, assim como, possivelmente, alguns ports de jogos de PS3 e Xbox 360 devam chegar também. Um MMO, Dragon Quest X (que também sai pro Wii), deve ser lançado também. Mas claro que todos estarão ansiosos por mais jogos de Metroid, Star Fox, Mario e Zelda (que, se for bonito do jeito que mostraram…). Óbvio que a Nintendo não abandonará os jogadores casuais que trouxeram uma fortuna pra ela. Mas é bom ver que outros públicos se sentirão abraçados pela empresa.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s