Aí nessa manhã vi a sinopse e algumas imagens de Django Unchained, o novo filme do Tarantino. Sou daqueles que já assistiram todos os filmes do cara, sabe todas as falas de Tarantino’s Mind, paga pau pra trilha sonora dos filmes, conhece a personalidade dos personagens favoritos, coloca Stuntman Mike como avatar no Twitter, etc. Sou aquele tipo de cara que se ofende quando dizem que Tarantino chupa a ideia de seus filmes de obras antigas e esquecidas do mainstream. Agora vocês imaginem o quanto eu tô hypado por esse filme.




Me fez lembrar Tex Willer



O história se passa em 1859, pouco antes da Guerra de Secessão (a guerra que mais matou americanos) e se passa no sul do país, que na época era latifundiário, aristocrata e escravocrata. Com certeza o cenário será Austin, Texas (local da maioria dos filmes do Tarantino). É lá que Django (Jamie Foxx), que tem um passado fudido, ajuda o caçador de recompensas/FDP/alemão Schultz (Christoph Waltz) que ajuda Django a ser libertado. Django decidi fazer parceria com Schultz e eles vão atrás da esposa do ex-escravo, Broomhilda (Kerry Washington). Ela está sob o poder de Calvin Candie (Leonardo Di Caprio) e do capacho “treinador de escravos” (aposto que essa expressão estará na versão final do filme) Ace Woody (Kurt Russell, Butterfly, Kurt Russell). Só que aí o escravo-chefe de Candie, Stephen (Samuel “Bad Motherfucker” Jackson) descobre os planos dos mocinhos e a bala come!


Ele aprendeu a atirar desse jeito com Chuck Norris



O elenco é foda. Muita gente vai reclamar de Christoph Waltz por, possivelmente, fazer o mesmo papel de Bastardos Inglórios. Outros vão falar dos atores que se repetem, como Leonardo Di Caprio, Samuel L. Jackson e Kurt Russell. Mas, odiando ou não, eles rendem na mão de Tarantino (que também estará no filme, chuto eu como um dono de bar). E, caramba, saquem só outros dois atores que estarão na trama: James Russo e Tom Savini. Só faltou o Clint Eastwood nessa brincadeira.

E agora, fazendo o texto, que o filme só sai por aqui em 13 de janeiro, ou seja, umas 3 semanas depois do lançamento nos EUA.Ô, bosta!



PQP! OLHA ESSA PAISAGEM!



A outra merda é que eu tô hypado demais pra esse filme. Prometheus tá pra lançar e eu sei que vai ser bom, O Hobbit será épico, mas Django Unchained (como será que eles farão a versão brasileira desse título? Acho “Django Livre” muito tosco) será aquele filme que vou ver, rever, rever de novo e mais uma vez. Não é bom ficar esperando demais por uma coisa. Pode acontecer da frustração tomar conta exatamente como aconteceu com muita gente no lançamento de Diablo III. A minha sorte é que ainda falta um tempão e um certo filme do Peter Jackson no meio.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s